"Ômicron pode ser presente de Natal", diz epidemiologista alemão

O epidemiologista Karl Lauterbach disse que a falta de indícios de casos graves de Covid-19 e mortes associadas à variante Ômicron podem torná-la um "presente de Natal antecipado".